Buscar
  • Dra. Sofia Beviláqua

O que é a Cárie?

Atualizado: Nov 1


A Cárie é uma doença multifatorial, podendo ocorrer em todas as idades e está entre as doenças mais prevalentes em todo o mundo. Ela pode levar à corrosão do dente, e se não diagnosticada e tratada a tempo, pode causar a sua perda.


O dente é um órgão e tem a sua parte externa formada por um tecido mineralizado chamado esmalte. Esse é o tecido mais duro do organismo e não apresenta feixes nervosos, portanto, não tem capacidade de gerar dor quando afetado.

Abaixo do esmalte encontramos outro tecido denominado dentina, que também tem um componente mineral, mas em menor proporção do que o esmalte. A dentina tem composição muito semelhante ao osso e está conectada a polpa dentária, outro tecido do dente, mas que apresenta nervos, sendo responsáveis pela sensação de dor quando estimulados.


Para que a cárie ocorra, é necessária a presença de bactérias específicas e a alta frequência de ingestão de açúcar através da nossa alimentação. As bactérias cariogênicas, isto é, com capacidade de provocar cárie, fazem parte da microbiota natural da boca, ou seja, sempre estiveram e sempre estarão na nossa cavidade oral. Elas se organizam formando o biofilme, conhecido também como placa bacteriana. Essas bactérias organizadas no biofilme metabolizam o açúcar para produção da energia necessária para manutenção do seu organismo e secretam ácido láctico como resíduo desta reação. Esse ácido em contato com a superfície do esmalte provoca sua desmineralização, ou seja, sua corrosão.

Mas este processo leva tempo e, pelo fato do esmalte não promover dor, a cárie acontece sem que o paciente perceba. No entanto, quando essa desmineralização chega à dentina sentimos dor, um importante sinal de alerta pois na dentina a dissolução é muito mais rápida, devido ao seu menor grau de tecido mineral quando comparada ao esmalte. Desta forma, a destruição é acelerada e o paciente corre o risco de contaminar e afetar a polpa dentária, o que pode levar à dor intensa e necessidade de tratamento de canal.



Progressão da cárie
Progressão da Cárie


Com o que foi exposto acima, podemos concluir que para evitar que a cárie aconteça, devemos reduzir a frequência de ingestão de açúcares, bem como adquirir bons hábitos de higienização oral.


Somado a isto, é importante visitar seu dentista periodicamente para fazer sua consulta de prevenção, onde o mesmo além de promover a profilaxia periódica para remoção de placa bacteriana e cálculos salivares, também poderá diagnosticar possíveis lesões de cárie em estágios iniciais que, quando tratadas a tempo, poderão reduzir significativamente os custos do seu tratamento.


Agende sua consulta com seu dentista na Bela Vista. Sua saúde agradece.


L’Aqua Odonto, saúde bucal para toda a família.


Contatos:


(11) 97417-9299


41 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Sífilis!

kisspng-whatsapp-computer-icons-android-